18.10.07

“Zé Adilson agora é piloto de arrancada”

Zé Adilson: de mecânico a piloto

O telefone chama. Não deu pra atender de imediato. Retornei, escutei o reconhecimento do meu nome e uma gargalhada com a identificação certeira: “é Paulinho Sorriso”. Pronto. Já está devidamente apresentado. “Fala Paulinho, qual a novidade?”, digo. “Peraí que te retorno”, responde ele. Poucos segundos depois vem a ligação e a notícia: “Zé Adilson agora é piloto de arrancada”.
.
Paulinho Sorriso, estudante de publicidade, atacava como assessor de imprensa do tio Zé Adilson (Zé de Juju). A sua intenção era divulgar na internet a atuação deste calouro do automobilismo que, segundo Paulinho, já em sua primeira prova na Copa de Arrancada, realizada em Salvador, foi o segundo piloto mais rápido de sua categoria. Depois, para mostrar que não era somente sorte de estreante, Zé conquistou por duas vezes a terceira posição no Campeonato Baiano de Velocidade, conforme informação do sobrinho motivado.
.
E a trajetória de Zé Adilson não deixa dúvidas quanto a suas qualidades automotoras. Ele tem um perfil sete artes, como se diz no popular, já consertou relógio, trabalhou com apiário, foi candidato a vereador, presidente do Colégio São Judas e da Casa da Cultura de Irará, entre outras possíveis atividades. No entanto, é trabalhando junto aos automóveis que conseguiu lograr maior destaque. Com o nome de Adilson Carburadores (Adilson Car – depois da injeção eletrônica de combustível nos veículos) conquistou reputação, garantindo grande clientela na sua oficina mecânica em Salvador.
.
.

O nome da terra natal vai na frente do Fusca
.


Agora Zé Adilson ataca de piloto de arrancada. Sai de trás dos motores, usando o seu conhecimento sobre os mesmos, para pilotar o Fusca 37, azul e amarelo, na vontade de estar sempre à frente dos seus concorrentes. No pára-brisa vai a merchandising da terra natal: “visite Irará”. Assim comunica amar o seu torrão, da mesma forma em que fez quando daquele jingle de campanha, paródia do hit “Florentina” de Tiririca, no qual eram repetidos exaustivamente os versos: “Zé Adilson, Zé Adilson/ Zé Adilson vereador/ Ele ama a sua terra/ Ele é meu vereador”.

O Zé brincalhão, o Zé piadista, o Zé de Juju... agora é piloto de arrancada. Este esporte também já entra para o seu repertório de artes. E quem quiser conferir a atuação de Zé, no seu caminho em direção ao cockpit da Ferrari, é só ir até Feira de Santana, na Avenida Presidente Dutra, nos próximos dias 20 (tarde) e 21 (manhã) de outubro, assistir à 3º etapa da Copa Lubrax de Arrancada. Quem não for vai ter de ficar ouvindo Paulinho com esse negócio de “Zé Adilson, Zé Adilson, Zé Adilson...”

3 comentários:

paulo de tarso barreto dos santos disse...

EH ISSO GALERA COMO DIZ RO QUEM NAO FOR VAI TER QUE FICAR ME OUVINDO GRITAR ZE ADILSON ZE ADILSON,E POR ISSO QUE ESTOU CONVIDANDO TODA COMUNIDADE DE IRARA PARA ESTAR PRESENTE E VER O SOHOW QUE ZE IRA NOS PROPORCIONAR....VALEU RO

Anônimo disse...

paulo esta convidando a todos para ver o espetaculo que ze ira dar mas ele nao fala do espetaculo que é ele vendo a corrida ele grita pula virbra chinga e o principao da aquela gargalhada dele
entao se nao quiserem ir para ver o ze correr vao ver o pualinho sorriso vibrar hehehe
a festa la vai ser show a minha presença é certa la!

Ivanise disse...

Belo texto, Roberto! você é a prova de que Irará é um celeiro cultural!
Perfeito linguisticamente, perfeito esteticamente. É de jovens assim, com esse poder de comunicação que o Brasil precisa!
Parabéns meu jovem!