16.2.11

Diz que... “Em B. Simões tem um cara mostrando os documento”


Zé: CPF,Identidade... o q?


Tonho: Que CPF, nem dentidade ... Né nada disso não. É o “passarinho” cabra!

Z – Passarinho!!???

T – O negocio dele... o mijador... entendeu???

Z – Ixe! E como é isso? Mostra fora da “gaiola” ou “dentro”? Mostra dormindo ou pronto pra voar...

T – Oiê Zé... tu me deixe viu. Só sei que tá o maior arerê lá na Vila da Conceição. Disse que o cabra não pode ver uma muié que quer mostrar o negocio.

Z – Oxe home, que falta de respeito. E como é isso?
T – Diz que... ele chega de moto. Para. Mostra os negocio em ponto de ataque e fala: “Quer conhecer Eliseu??”

Z – Oxe.. Oxe.. Oxe.. E daí?

T – Daí que tá um arerê. Diz que... Já teve senhora desmaiando; teve muié que correu; teve gente que riu... E diz que... teve inté quem falou do tamanho do “documento”... parecendo que midiu com os zoio...

Z – Eta zoio de lupa da zorra!

Mas, isso é uma grande falta de respeito. Um sujeito assim. Deve de ser doente. Não arrespeita as pessoas. É preciso que arguém tome uma providencia. Imagine q o sujeito faça isso com uma irmã sua Tonho. Com tua muíe. Ou até com a sua mãe...

T – A minha não! Eu quebro ele todo. Deixe ele pensar que Bento Simões tá entregue... só porque teve uns assalto ai e o povo começou fechar o comercio mais cedo... Que é isso? Bento Simões é um lugar de gente de respeito.

Z – Tb acho Tonho. E é por isso mesmo que não dá pra acreditar nessa estória. Que argúem na Conceição faça um absurdo desse... [Zé fica pensativo por um tempo]

Mas, vem cá... É verdade mesmo que em Bento Simões tem um cara mostrando as coisas???

T - Diz que é!

PS - Tonho e Zé são personagens fictícios que conversam sobre histórias reais ou não.

Imagem: oogle Imagem.

Um comentário:

Daniela disse...

Adorei, muito engraçado! Parabéns!!!