10.4.13

Diz que... “teve um caminhão aí vendendo galinha ôca”






Zé: O que? Um caminhão?? Galinha ôca??? Como assim????
Tonho:  ôca Zé, pura, vazia, sem nada dentro...

Z: Onde já se viu isso???
T – Aqui mermo, oxente!  

Z: Saí daí... que ninguém vai comprar uma galinha sem nada dentro, o povo só gosta é de frango com tudo dentro...
T: Né assim não Zé. O povo gosta é da vantagem. Diz que passou um caminhão anunciando, que era R$ 10 (Dez Real)...  Lá tinha um pacote tudo embalado, bunito, arrumado, com galinha congelada... Aí a turma caiu pra dentro...

Z: Dez real??? Sai daí Tonho. É ruim de acreditar.
T: Mais diz que foi...

Z: Ainda que fosse pelo preço, mas num é só o preço. Essas coisa tem regra, tem Lei, num se pode vender comida congelada assim de quarquer jeito no meio da rua não. Onde já se viu???  
T: Num sei se já se viu... Também num sei se tem Lei. Só sei que diz que o povo caiu pra dentro. O caminhão parou na praça e vendeu as galinha tudo rapidim...

Z: Imagino o resultado dessas galinha...
T: Diz que o resultado... é que quando o povo chegou em casa e abriu o pacote, se deu o sucedido...  Era tudo pôde... E o povo abrino, abrino e lá vai pé, lá vai pé... gurdura do sobrecu, carcaça... O povo só via o petho, achando que era petho, mas quando batia na bacia assim oh (toc, toc, toc) só tinha osso... o petho era fechado, mas era ôco, não tinha carne não...  Tiveram foi de dá pros cachorro...  

Z:  Mas... Tonho... foi verdade mermo que teve esse caminhão aí vendendo galinha ôca????
T: Diz que foi.  

PS - Tonho e Zé são personagens fictícios, que moram em algum lugar improvável, e vez em quando aparecem conversando sobre histórias difíceis de acontecer. 

Imagem meramente ilustrativa
   


2 comentários:

Matheus Silva disse...

olá,sera que teria como vc mandar umas fotos do estadio de irara.obrigado.

Roberto Martins disse...

Olá Mateus, infelizmente, não tenho as fotos. Tente com o pessoal da Prefeitura 75-3247-3800. Abs!